Crédito: Reprodução TV

Crédito: Reprodução TV

Brasília –  O governo brasileiro lamenta a decisão da Controladoria-Geral da República Bolivariana da Venezuela de privar o governador do Estado de Miranda, Henrique Capriles, do direito de exercer funções públicas por um período de 15 anos. Trata-se de mais uma grave violação pelas autoridades venezuelanas das garantias e liberdades fundamentais.

O anúncio da cassação foi feito na sexta-feira (07) por Capriles em seu Twitter.

O governo reitera o chamado dos Estados Partes do Mercosul para que seja restaurada a plena vigência das instituições democráticas naquele país.

Deixe um comentário